Parede Vazada

Mais do que simples paredes

     Quando se quer separar ambientes sem impedir a comunicação entre eles, uma alternativa são as paredes vazadas. Elas têm a vantagem, ainda, de deixar a luz passar livremente e ganham destaque com pintura e iluminação.

     Além de ter essa função de comunicação entre os ambientes, elas também podem substituir as estantes, criando um visual bem diferente na sua casa.

     Destaquei alguns projetos bem interessantes, confira as imagens a seguir:

     

     

Estilo Janela

image

Na reforma do apartamento, esta estrutura de gesso acartonado definiu as áreas da sala de estar e de jantar. Ela não virou uma barreira visual, porque a abertura é generosa: 1,40 x 1,60 m.

Estilo Fenda

-

O desafio das arquitetas Patrícia Martinez e Mariana Grandi, então sócias em São Paulo, era criar um anteparo para a tela de projeção de vídeo, na sala de TV. A solução foi erguer uma parede de gesso acartonado entre esse ambiente e a sala de jantar. A divisão de 2,50 m de largura serve, assim, de apoio ao telão. Para manter a comunicação entre os dois espaços, as arquitetas deixaram uma fenda, a 1,50 m do chão (ela tem 0,45 m de altura).

Estilo Biombo

-

O que era apenas um pilar, atrapalhando a passagem na entrada da casa, foi transformado numa espécie de biombo pelas arquitetas Núria Roso e Lindamar Elias, de São Paulo. Esta divisória, que fica entre o hall social e as salas de estar e de jantar, ganhou aspecto mais leve graças à abertura de 1,60 x 0,60 m.

Estilo Biombo

image

A meia-parede vazada priva a sala de estar, e ainda conta com o aparador de apoio.

Estilo Biombo

As portas do armário foram desenhadas para parecer biombos com fotos, enquanto uma pequena parede vazada com dois espaços para esculturas orienta a entrada.

Parede vazada – vista de dentro

image

Parede vazada – vista de fora

image

Ligando a parte interna da casa com o jardim, que fica no exterior do imóvel.

No Estilo Geométrico Vazado

image

A parede de círculos vazados define ambientes sem sufocar ou isolar totalmente um espaço do outro.

No estilo quadro vivo

image

Amplo, o espaço da churrasqueira tem ainda um forno a lenha (Largrill) e uma grande bancada de trabalho de silestone sobre os armários de peroba (marcenaria Osmar Rigoti), com parede vazada protegida a meia altura por vidro e ligação com o jardim. Mármore travertino reveste o piso e destaca a madeira rústica do jogo de mesa e bancos para refeições. A luminária tem design assinado por Maneco Quinderé.

Estilo Estante – fundo em papel de parede

image

Nichos embutidos

image

A reforma deste apartamento da arquiteta Tais Mattos ampliou a área social. Engrossada com 50 cm, a parede amarela ganhou uma estante embutida, arredondada e com nichos de fundo preto, para bebidas. Uma boa pedida para organizar o ambiente e o vinho.

Estilo Bar

image

Fenda única

Rômulo Fialdini

Andréa Chicharo criou uma divisão no quarto do casal, estabelecendo uma área de paredes de gesso acartonado pintadas de fendi com nicho revestido de osso (Empório Beraldin) para ambientar o canto de leitura. A cabeceira, ladeada por luminárias (La Lampe), é revestida com tecido (Empório Beraldin) na mesma tonalidade fendi. Sobre o piso de parquet (Nobre) destacam-se as mesas de cabeceira (Oficina Inglesa).

Acabamento rústicoimage

Quatro nichos de 60 x 35 cm, profundidade de 40 cm, recortados em uma parede de drywall, deram origem à estante arrematada por caixotes de madeira.

     Antes de pôr em prática o seu projeto é preciso tomar alguns cuidados.

     Durante a reforma, se a idéia for mexer numa parede de alvenaria, cuidado. Esteja numa casa, esteja num apartamento, é preciso assegurar-se de que ela não seja estrutural, isto é, que não sustente a cobertura ou a laje. O risco é comprometer a segurança da construção. "Em geral, as paredes estruturais são mais comuns nas edificações antigas", explica o engenheiro Erick Feldberg, de São Paulo. Outra recomendação é checar a passagem dos sistemas hidráulico e elétrico antes de qualquer intervenção, evitando danificá-los. No caso de abrir uma passagem numa parede de alvenaria, é preciso sustentar a parte de cima com uma pequena viga, a contraverga. Se a abertura tiver altura ou largura maior que 1,50 m, use contraverga também na parte inferior do rasgo.

 

     Inspire-se!

 

     Fontes: Casa.com.br e Google Images

Arquitetura, Decoração, Organização , ,

  1. 23, abril, 2011 em 03:52 | #1

    I am unquestionably bookmarking this website and sharing it with my acquaintances. You will be getting plenty of visitors to your site from me!

    • 25, abril, 2011 em 10:31 | #2

      Advantage Topical Solution Flea Treatment for Cats Over 9 Pounds, 6 Applications » Glad you liked, we were very happy! Keep visiting us! Thank you for the alert to your friends!

  2. 27, junho, 2011 em 00:44 | #3

    And I thought I was the sensible one. Thanks for setting me strigaht.

  3. 27, junho, 2011 em 15:45 | #4

    Well done airltce that. I’ll make sure to use it wisely.

  4. Zelia
    19, junho, 2012 em 15:08 | #5

    Parabens, todas as divisorias, estão perfeitas, adorei a 1 um abraço.

  1. Nenhum trackback ainda.